Léon Walras e o Equilíbrio Geral! Escola de Lausanne

Quem foi

Marie-Ésprit-Léon Walras (1834-1910) foi um economista e matemático francês. Nasceu no ano de 1834, na França. Walras é considerado por muitos historiadores do pensamento econômico um dos principais economistas da história.

Léon Walras e a Revolução Marginalista

A lista de feitos desse importante economista é muito extensa, mas podemos destacar a sua participação na famosa Revolução Marginalista! Alguns outros importantes participantes dessa revolução foram os economistas: Carl Menger de origem austríaca e o economista inglês W.S. Jevons. Porém embora Walras seja considerado um dos “pais” da revolução marginalista, é importante ressaltar que sua obra foi publicada apenas 3 anos após a publicação das obras de Menger e Jevons. O Austríaco publicou a obra Princípios de Economia Política em 1871 enquanto Jevons publicou A Teoria da Economia Política também no ano de 1871 já o economista francês publicou o primeiro volume de sua obra Elementos da Economia Política Pura apenas em 1874. Mesmo os 3 desenvolvendo a famosa teoria que ficou conhecida como “Lei da Utilidade Marginal Decrescente” de forma independente e diferente, eles obtiveram conclusões parecidas.

Se quiser saber mais sobre a revolução marginalista e a lei da utilidade marginal veja o vídeo a seguir:

Equilíbrio Geral e a Escola Lausanne

Léon Walras também ficou conhecido como “o pai da teoria do equilíbrio geral”, já que foi o primeiro a desenvolver a ideia na forma de um sistema de equações simultâneas que ligam os vários mercados da economia. A Teoria do Equilíbrio Geral é provavelmente a teoria mais presente na economia Neoclássica.

Outro importante feito desse economista foi ter “fundado” uma escola de pensamento econômico, a  Escola de Lausanne de Economia que ficou conhecida como a “Escola Matemática”.

Obras

Bom a sua obra mais famosa com certeza é “Elementos da Economia Política Pura”. Publicada originalmente em francês em duas partes, sendo a primeira em 1874 e a segunda parte em 1877, essa obra revolucionou a teoria econômica.

Esta contudo não foi a única obra do economista francês. Ele também publicou outras obras de extrema importância, como por exemplo:

  • Economia Política e Justiça Social (1860)
  • Elementos de Economia Social (1896)
  • Estudos de Economia Aplicada (1898).

É importante observar que as obras de Walras demoraram para cair no gosto dos economistas. Muitos estudiosos da época consideravam seus trabalhos muito abstratos e de pouca utilidade para a compreensão dos fenômenos econômicos do mundo real.  Na sua época, inclusive, era comum economistas se posicionarem contra a matematização da economia.

Legado

A lista de economistas influenciados por seus trabalhos não caberia aqui, por isso iremos destacar apenas alguns. Primeiramente o economista austríaco Joseph Schumpeter. Esta influência fica clara quando Schumpeter declara que:

Walras is … greatest of all economists. His system of economic equilibrium, uniting, as it does, the quality of ‘revolutionary’ creativeness with the quality of classic synthesis, is the only work by an economist that will stand comparison with the achievements of theoretical physics.

Além de Schumpeter, Walras também influenciou nomes como o economista e sociólogo Vilfredo Pareto e o economista Knut Wicksell.

Walras faleceu no ano de 1910 na Suíça, mas seu legado é tamanho que  muitas de suas contribuições foram adicionadas a teoria econômica convencional, tendo exercido influência sobre nomes como o Nobel em economia Paul Samuelson. Não seria exagero afirmar que Léon Walras é junto com Alfred Marshall e Jevons um dos maiores neoclássicos de todos os tempos.

REFERÊNCIA:

Schumpeter, J. A., 1994 [1954], History of Economic Analysis, Oxford University Press, p. 795

Gabriel Almeida Braga

Gabriel Almeida Braga

Escritor, estudante de Ciências Econômicas, gosta principalmente de Microeconomia e da História do Pensamento Econômico (HPE), graduando em Administração de Empresas, cofundador da Apptime, fundador da iniciativa Economia para Iniciantes e editor-chefe do site Econotime.

3 thoughts on “Léon Walras e o Equilíbrio Geral! Escola de Lausanne

  • Avatar
    26/03/2022 em 16:53
    Permalink

    Hi there, its nice paragraph on the topic of media
    print, we all understand media is a enormous source
    of facts.

    Resposta
  • Avatar
    27/03/2022 em 03:31
    Permalink

    I love what you guys tend to be up too. This kind of clever work and coverage!
    Keep up the very good works guys I’ve included you guys to my blogroll.

    Resposta
  • Avatar
    29/03/2022 em 07:03
    Permalink

    What a stuff of un-ambiguity and preserveness of valuable experience about unexpected emotions.

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.