Bolívia: governo zera tarifas de importação de agroquímicos

Em decreto do último mês de abril (Decreto Supremo N° 4702), o governo boliviano decretou que pesticidas terão suas tarifas de importação zeradas. O decreto valerá até o dia 31 de dezembro de 2022.

Os pesticidas hoje estão entre as maiores pautas de importação do país, que tem uma economia com um forte setor agricultor, assim como os vizinhos sul-americanos.

Antes do decreto, as tarifas de importação eram de 9,58 % (por média simples). No Brasil essas tarifas são de 11,8 %.

Informações do Ministerio de Economía y Finanzas Públicas.

Felipe Lange

Felipe Lange

Escritor, entusiasta de Economia e graduando em Biologia. Escreve e traduz artigos para o seu blog OCAL

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.